O ‘Bottomless Brunch’ no The Insólito

Não, este não é um brunch qualquer. Muito menos um para encher o ‘bandulho’, desculpem-me o vernáculo. Quem segue a minha Cidade sabe bem o grande carinho com que vou seguindo o The Independent Collective, não fosse o clã D’Eça Leal/Queiroz também vencedor de um prémio de empreendedores do ano.

Há duas semanas tive o privilégio de estar no primeiro dia de provas deste conceito de brunch invulgar. A partir deste Sábado, entre as 12h e as 16h e para quem fica por Lisboa, não deixem de experimentar o Bottomless Brunch, que em três variedades pretende chegar a distintos estados de espírito, mantendo um importante elemento comum: o buffet de cocktails livre.

Brunch Insolito A Cidade na ponta dos dedos de Sancha Trindade7

O Ressaca, conhecido como o salva vidas, o Fit ou o melhor amigo do Popeye, e o Paleo, o pequeno-almoço para o Einstein das cavernas, são os três menus do Bottomless Brunch que o restaurante The Insólito apresenta agora aos sábados, entre o meio-dia e as quatro da tarde. A acompanha-los estará sempre disponível uma variedade de cocktails, cerveja, espumante e um DJ que cria o ambiente de uma tarde bem passada.

Afirmam as leis da etiqueta que álcool antes do meio-dia é ‘pecado’ mas, depois dessa hora, torna-se o parceiro perfeito do brunch. Henrique Costa Pereira, F&B Director do The Insólito, explica que o conceito vem de uma tendência que surgiu em Nova Iorque e Londres, onde o brunch se torna um momento de recuperação e de preparação para mais uma ocasião de festa. “No nosso caso, o próprio brunch é uma festa porque teremos DJ ao vivo todas as semanas”. O desejo de estender o horário para o dia, disponibilizando um serviço de brunch irreverente e distinto em Lisboa, surgiu como uma extensão do conceito do The Insólito. “Queremos que as pessoas vejam este brunch como um momento descontraído, festivo e onde podem experimentar vários cocktails numa localização privilegiada. É um produto novo na cidade e esperamos que mude a ideia que temos sobre o brunch”.

No Ressaca, ‘The salva vidas’ há direito a Bruschetta de Pão de Mafra com Bacon, Ovo, Cogumelo Portobello e Molho Hollandaise. Pãozinho de Sementes com Abacate, Ovo Cozido a Baixa Temperatura e Molho Chimichurri. Salada Fria de Batata com Tomilho.
Panqueca com Creme de Avelã e Banana.

Brunch Insolito A Cidade na ponta dos dedos de Sancha Trindade2

No Fit, O melhor amigo do Popeye, Pão de Cerveja Preta e Muesli com Salmão Fresco Marinado e Pickle de Couve roxa. Ramequin de Cogumelos, espinafres e Paia Alentejana. Crostini de Beringela, Courgette, Tomate Assado e Mangericão. Iogurte grego com Muesli e Fruta Fresca da Melhor.

Brunch Insolito A Cidade na ponta dos dedos de Sancha Trindade6
No Paleo, o pequeno-almoço para o Einstein das cavernas presenteou-me com Frango em Óleo de Coco, Pastinaca Assada, Repolho, Beterraba, Maracujá, Mirtilhos e Sementes de girassol. Cogumelo Portobello Assado com Ovo Cozido a Baixa Temperatura, Canónigos e Couve-roxa. Ainda uma Salada de espinafres Baby, uvas, Amêndoas Tostadas e Bacon. Pêssegos grelhados, Framboesas, Mirtilhos, Kiwi e lasquinhas de Coco. Eu escolhi o Paleo e recomendo. Como era dia de provas paguei €20, mas contem com €30 (para qualquer um deles) pois inclui um festim de cocktails de beber e sorrir por mais.

Brunch Insolito A Cidade na ponta dos dedos de Sancha Trindade11

Enfim toda uma animação, onde uma boa conversa pode durar cinco horas muito bem passadas, ao som de boa música, fantásticos cocktails e uma vista idílica sobre Lisboa. Mais aqui.

Brunch Insolito A Cidade na ponta dos dedos de Sancha Trindade9Brunch Insolito A Cidade na ponta dos dedos de Sancha Trindade3Brunch Insolito A Cidade na ponta dos dedos de Sancha Trindade10Brunch Insolito A Cidade na ponta dos dedos de Sancha Trindade1Brunch Insolito A Cidade na ponta dos dedos de Sancha Trindade5