Fã desde o primeiro dia desde que a Hendricks chegou a Portugal, tenho acompanhado tudo o que acontece à volta deste culto que tanto vai movendo a irreverência da cidade. Desta vez o convite para um workshop de Gin no Arola levou-me atá à Penha Longa que na companhia do embaixador português da marca fez mais uma vez mergulhar na magia desta marca tão elegantemente irreverente.

O Hendricks é considerado por muita gente o melhor Gin do mundo e eu que até nem sou grande consumidora de bebidas brancas, mas confesso: este gin tira-me do sério. Com uma imagem linda de cair para a banda, destilado na Escócia o Hendricks criou um culto à sua volta, muito peculiar, muito único, excêntrico e delicioso, no que toca aos aromas e aos sabores da criatividade.

Produzido num dos únicos 4 alambiques Carter-Head existentes no mundo, o alambique do século XIX, que já passou por uma restauração tem a particularidade de conseguir com que o processo de aquecimento seja lento, o que faz a grande diferença no que toca aos sabores. Lenta destilação gera uma meticulosa infusão, que feita com ingredientes botânicos dá à luz o famoso gin com aroma forte a pepino e a rosas da Bulgária.

Na sua composição Botânica (e daí a inspiração da forma da garrafa, na minha opinião genial) encontram-se bagas de zimbro, coriandro, sabugueiro, ulmária, camomila, raiz de Iris, casca de limão, casca de laranja, sementes de Alcarávia , angélica, pimenta de Cubeba e a famosa rosa da Bulgária (e Hendricks é nada menos que o nome do jardineiro holandês que cultivava as rosas, da qual são extraídos óleos essenciais, pressionando delicadamente as pétalas).

Um dos ingredientes mais fortes é o pepino da Holanda, cuja essência é obtida através do esmagamento do legume fresco, misturando a polpa com água fria. O processo lento de infusão extrai os sabores subtis e essenciais, que meticulosamente infundidos no gin, torna-o muito particular. A garrafa de respira linhas antigas de farmácia numa homenagem à pequisa botânica de tantos inspiradores ingredientes.

Por isso durante o dia de amanhã, sábado, os fãs desta bebida de culto irreverente poderão participar, por €50, num workshop que inclui almoço (12h) ou jantar (20h) com bebidas incluídas. A receita do gin que criar será a bebida de entrada e regado com bons vinhos, a carta acompanha o espirito Hendricks. Eu fui e aconselho.

Para marcar aqui: 21 924 9011

esta plataforma Atlântica no facebook está aqui