Roof Kolovrat 79, Em busca dos sotãos escondidos

Lisboa tem cada vez mais sotãos aproveitados, mas juntar um último andar do Príncipe Real a uma pessoa que decide fazer de Portugal a sua casa merece, no mínimo, um aplauso.

Lidija Kolovrat ama a nossa cidade já há vinte anos. No pulsar das suas provocações e diálogos, as portas da morada onde borbulha a sua criatividade abrem-se a nós, viajantes, sequiosos por qualquer rasgo ou estímulo de uma Lisboa surpreendente.
Se na criadora, já umas das caras mais carismáticas da cidade, conhece-se o gosto imenso de criar padrões com o segredo da repetição da escala, onde se direciona um sentimento, na extensão dos seus sentidos, as noites da Rua Dom Pedro V crescem em lugares escondidos. Lidja Kolovrat movimenta a rua noturna na maior sala do sótão, onde trabalha e cria as suas peças sempre marcantes. Mais do que umas águas furtadas espaçosas, em madeira com cores, cheiros e objetos vintage, o espaço é habitado também por concertos inesperados, que nos libertam dos dias intensos da reprogramação da humanidade.

No privilégio do momento, Joe Mcphee apresentou-se ontem na Kolovrat 79, acompanhado do seu Survival Unit, em trio com o violoncelista Fred Lonberg-Holm e o baterista e percussionista Michael Zerang.
O próximo concerto acontecerá a 12 de Abril com Blues Control + Laraaji & Arji e a 18 de Abril, para ouvir Michael Hurley, acompanhar a programação e fazer parte das noites mais alternativas da cidade.

crónica publicada a 22 de Março de 2012 na Vogue

Roof Kolovrat 79
Rua D. Pedro V, 79 Lisboa
Tel. 21 387 4536
www.lidijakolovrat.org
facebook aqui 
Agenda Concertos
www.filhounico.com
Preço€8